20.1.14

como bloquear um xaile




Quando se acaba um xaile, ou outra peça tricotada com fios com elevada percentagem de lã (a Malabrigo Sock é 100% lã de merino), só se pode considerar a obra concluída, depois de se "bloquear" a mesma.

Há vários métodos para bloquear uma peça tricotada à mão. Aqui há dias, a Margarida ensinou um dos métodos: com o vapor do ferro. Eu vou-vos mostrar agora como aprendi a fazer, com as minhas amigas do meu grupo de tricot.

Antes de rematar as pontas, mergulha-se o xaile num alguidar com água tépida ou fria. Se o fio utilizado for áspero, podem colocar na água um pouco de amaciador de cabelo, e dissolvê-lo bem, antes de mergulhar o xaile. Apertar bem o xaile para que a água penetre na fibra.

Deita-se a água fora e volta-se a apertar o xaile, para que saia o excesso, sem nunca o torcer. Vamos então esticá-lo para que possa ganhar a sua nova forma, enquanto seca.

Eu uso um tapete de espuma, destes aos quadrados, uma toalha turca, porque ajuda a absorver melhor a água, e muuuuitos alfinetes.







Deve-se ter o cuidado de manter a parte de cima bem esticada na horizontal e direitinha.
A parte de baixo, neste tipo de xaile, deve ser esticada tendo em atenção ao desenho do mesmo, se tem pontas, ou ondas, esticam-se bem as mesmas.

Como tenho uma varanda grande e protegida da chuva, consegui fazê-lo em 24h, entre a manhã de Sábado e a manhã de Domingo. Desta vez não me preocupei muito com o sol, porque este estava tímido e muito fraquinho. Mas se estivéssemos no Verão, teria executado esta tarefa ao final da tarde, já sem sol directo e com o calor que costuma estar teria secado durante a noite.

Et voilá, depois de rematar as pontas, estava prontinho a usar!






22 comentários:

  1. Ficou tão bonito Sofia!
    Na próxima peça experimento este método.
    Obrigada pela partilha.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. obrigada pela dica...gosto muito do xaile,parabéns.

    ResponderEliminar
  3. Ficou muito bem!!! Vou ter mesmo de me juntar à mala do Gang da Malha par aprender a fazer coisa giras dessas!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens que aparecer uma destas 5ªs feiras.
      Ou num workshop a marcar!

      Eliminar
  4. Ficou muito bonito, e a cor é mesmo bonita. Não conhecia esta técnica, sempre a aprender. Parabéns e obrigada pela dica. :) Beijinhox

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E a minha máquina não capta bem os verdes, se o visses ao vivo... :)

      Eliminar
  5. Está lindo!

    Era para ter escrito no PanoPraMangas mas agora escrevo aqui: alternativa aos muuuuuitos alfinetes são os arames (blocking wires). É muito mais rápido e tem a vantagem adiconal - e preciosa para mim! - de poupar as costas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é, ainda não me dediquei a comprar uns blocking wires.
      Tenho que investir nessa peça fundamental!

      Eliminar
  6. Mas que boas instruções. E o xaile está lindo!

    ResponderEliminar
  7. Ficou muito bonito!!! tambem bloqueio assim.A lã Malabrigo é espectacular.

    ResponderEliminar
  8. Está fantástico.

    Nunca tinha ouvido a expressão bloquear até a Margarida falar sobre o assunto.
    É muito o que se aprende por aqui.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sabes que já era mencionada nas burdas tricot, ou revista anna, daquelas dos anos 70/80, mas como nessa altura em Portugal vendiam-se muitos fios acrílicos para tricotar, não servia de nada bloquear as peças, por isso ninguém ligava a essa parte.

      Eliminar
  9. Que trabalho tão bonito e delicado, esse xaile é divinal!!

    ResponderEliminar
  10. Muito giro! E as costuras? Tenhos saudades de ver :) beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Mas ele depois tende a enrolar as pontas, não é? e tem que se voltar a esticar...
    É que eu fiz isso ao meu xaile nº2 (o nº1 só vai ser esticado este f-d-s..) e ficou muito lindinho (com lã da afinete :) ) olha: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10151526664803120&set=a.235483033119.139310.640878119&type=3&theater, mas ao fim de algumas utilizações, já tem as pontas todas enroladas...
    Há algma coisa a fazer?

    ResponderEliminar

Se estás aí, diz qualquer coisa, sou curiosa, gosto de saber o que pensas.
Bj