29.10.12

Sweet Memories



Sabem quando aparece de repente alguém de quem já não sabiamos há muito muito tempo?
E as memórias chegam num atropelo, a quererem sobrepor-se umas às outras na conversa, como que a chamar a razão a si mesmas... e lembras-te quando dizias isto, e fazias aquilo, e nos ríamos muito, e não gostávamos daquela e ... e ... o que é feito de ti, ao fim destes 25 anos?!

Eu tinha 15 anos... como o tempo passou tão depressa?!
Atenção que não estou triste!!!
Só espantada com a velocidade da vida...

Hoje tenho uma filha quase com essa idade, e quando olho para ela penso nestes meus momentos dos 15 anos, que tão boas recordações me deixaram. Sabem quando se sente um gosto doce nos lábios, só com as memórias? Eu sei :)

4 comentários:

  1. É tão giro quando se encontra alguém que não vemos há muito tempo e com quem passámos bons momentos! Essa pessoa fez a nossa vida melhor e marcou nosso eu! Passei por uma situação semelhante há uns tempos. Sim, também acho que o tempo voa!

    ResponderEliminar
  2. Sofia... Obrigado. Fico feliz por saber que guardas boas memórias dos teus quinze anos.
    Já agora, sempre gostei da musica, eu próprio dava por mim a cantarolá-la.
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Ultimamente todos os reencontros têm sido virtuais e me têm causado outra impressão... sabes quando alguém te pede amizade no facebook e não a reconheces e de repente te lembras e pensas "que horror!"...? :D

    Fui tão feliz aos 15 anos, mas a minha banda sonora mental é David Fonseca - "The 80's" :)
    http://www.youtube.com/watch?v=yFWVuVcPPiw

    ResponderEliminar
  4. É verdade @Vchapéus, essa pessoa marcou o nosso eu, mesmo sem ela saber, ou até mesmo ela já se ter esquecido a importância que teve na nossa vida.

    @Scarlet, este encontro também foi virtual, e mesmo assim foi uma alegria enorme quando vi este nome aparecer nos pedidos de amizade. Se tivesse sido ao vivo, acho que alguém teria ganho um abraço muito apertado! E esta música do Paulo de Carvalho, para mim, pertence apenas a uma única pessoa.

    ResponderEliminar

Se estás aí, diz qualquer coisa, sou curiosa, gosto de saber o que pensas.
Bj